Bangkok: Day 2

Day 2: Guess what? I couldn’t sleep! We ended up “waking up” early, so we decided to start walking around.

We had some breakfast and left for Rattanakosin Island also known as Sanam Luang to visit the Grand Palace where Wat Prakaeo (Temple of the Emerald Buddha) is located and Wat Phra Chetuphon also known as Wat Pho, where there is the biggest reclining Buddha in Thailand.

We left the hotel and walked to the Sky train, which was pretty cheap and clean (37 Baht: 1.11 dolars) and headed to Saphan Taksin stop where there is the boat that takes you to the Rattanakosin Island across the Chao Phraya River.
The One day ticket was 150 Baht and it goes all the way to the Temple passing in front of famous landmarks like the Shangri-la Hotel, Mandarin Oriental Hotel, Flower Market, China Town, Wat Arun Ratchawararam (Temple of Dawn), Wat Prakaeo and the Grand Palace. You can stop wherever you wish and just get on the next boat.


Wat Pho also known as Wat Chetuphon is the home to the World’s largest reclining Buddha image (about 46m), surrounded by smaller prangs and a famous massage school.


The temple was built by King Rama I in 1788 and it is the oldest temple in Bangkok.


It is consideres a place of healing and Thailand’s 1st university. You can get a thai or a foot massage at the traditional medical school for 200 baht.

– Admission: 100 baht

– Open: 8:30 – 18:30

Grand Palace has an immense size (at least a full morning or afternoon there is needed).
Don’t throw away the entry ticket of the Grand Palace, as it gives free entry to Dusit Palace in Dusit.
Vimanmek Mansion (largest teakwood house in the World)

It was built in 1782 and for 150 years the home of Thai Kings and the Royal court.

Dress code: cover arms and legs. Make sure you bring a shirt with sleeves or a long sleeve shirt because if you try to cover you arms with a scarf they won’t let you in.

– Admission: 500baht

– Open: 08:30 – 15:30

Wat Phra Kaew is situated close to the Grand Palace, it is the old residence of monarchy. Wat Phra has the Emerald Buddha Temple, which is the sacrest and most important temple on Thailand.
Unlike other temples, it is not one building, nor are there living spaces for monks. Instead, it is a collection of highly decorated holy buildings and monuments.

We than left and had a bite somewhere close to the temple and went back to the hotel to relax a bit at the pool because of the heat.


At night we had dinner at this amazing restaurant called Issaya Siamese Club leaded by the renown Chef Ian Kittichai, which was pricy but the food was great and after we went to The House on Sathorn, this bar close to the W Hotel and also another bar called Cé la vi with the nice view of the city.

The cab we took everywhere was pretty cheap (60-70 baht) but if you buy a sim card or can use the wifi wherever you are, it is safer to just order an uber and also easier so you don’t have to deal with some angry thai drivers, sometimes hard to communicate with.


————————————

Dia 2: Adivinha? Eu não dormi nada! Nós “acordamos” cedo e então decidimos ja sair andando pela cidade.

Tomamos café da manhã e seguimos em direção a Ilha de Rattanakosin também conhecida como Sanam Luang para visitar o Grand Palace onde esta Wat Prakaeo (Templo do Buda de Esmeralda) e Wat Phra Chetuphon também conhecido como Wat Pho, onde esta situado o maior Buda inclinado da Tailândia.

Saímos do Hotel e então fomos em direção ao Sky Train. Trem limpo com ar condicionado e super acessível de 37 Baht : 1.11 dolares. Paramos na estação de Saphan Taksin de onde sai o barco que atravessa o Rio Chao Phraya e vai em direção à Ilha de Rattanakosin.
O bilhete do barco custa 150 baht e passa na frente de diversos pontos turísticos como o Hotel Shangri-la, Mandarin Oriental Hotel, o mercado de flores, China town, Wat Arun Ratchawararam, Wat Prakaeo e o Grand Palace. Com esse bilhete você tem o direito de sair em qualquer pier e pode pegar o próximo barco que passar por la e seguir para outro lugar.

Wat Pro conhecido também como Wat Chetuphon é o local aonde se encontra o maior Buda inclinado do mundo (46m).

Esse templo foi construído na época do Rei Rama I em 1788 e é o templo mais antigo de Bangkok.
É considerado um lugar de cura e também a 1a faculdade da Tailândia. Você pode fazer uma massagem tailandesa na Escola Tradicional de Medicina por 200 baht.

Admissão: 100 baht

Horário: 08:30 – 18:30

Grand Palace tem uma área por metro quadrado enorme e precisa pelo menos de uma manhã toda ou uma tarde para visitá-lo.
Não jogue fora o bilhete do Grand Palace porque você pode utilizar para entrar de graça no Palácio de Dusit.

Vimanmek Mansion ( maior casa feita de madeira de teca no mundo).Foi construída em 1782 e foi por 150 anos a casa dos Reis Tailandeses e da Corte Real.

Traje: cobrir os ombros e as pernas. Lembre de levar uma camiseta ou um casaco de manga comprida porque se você levar um cachecol para cobrir a região, eles não vão deixar você entrar.

– Admissão: 500 baht

– Horário: 08:30 – 15:30

Wat Phra Kaew – “Capela Real”, situada ao lado do Grande Palacio, antiga residencia a monarquia. Wat Phra contem o Templo do Buda de Esmeralda (Emerald Buddha), o templo mais sagrado da Tailândia.

Ao contrário de outros templos, não é apenas um edifício, nem existe espaço para os monges viverem. Ao invés, é uma coleção de edifícios e monumentos sagrados altamente decorados.
Saímos então e comemos algo por ali mesmo e seguimos em direção ao Hotel para relaxar um pouco na piscina.

À noite fomos jantar no Issaya Siamese Club. Um restaurante de comida tailandesa liderado pelo renomado Chef Ian Kittichai. O preço foi um pouco salgado mas a comida estava uma delícia. Em seguida fomos ao bar chamado The House on Sathorn, que fica ao lado do Hotel W e depois fomos ao Bar Cé la vi que possui uma vista linda da cidade.

Pegamos taxi de um lugar para outro e pagamos super pouco (60-70 baht) mas se você estiver com um chip do local ou utilizando o wifi do lugar, é mais seguro simplesmente pedir um uber e evitar confusão com alguns taxistas tailandeses, principalmente porque eles não falam nada de inglês e podem dar uma volta enorme para chegar no seu destino final.

2 Comments

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

w

Connecting to %s